CDL Palhoça: Programa de Infraestrutura

No sentido de dinamizar ainda mais as atividades da CDL Palhoça, a atual gestão iniciou em 2016 seu processo de descentralização, que ampliou ainda mais a participação da diretoria.

As estratégias agora estão definidas em seis programas, ficando um diretor na função de coordenador e outro na de subcoordenador. A partir desta semana, vamos destacar cada um dos seis programas (01 Infraestrutura; 02 Inovação e Geração de Recursos; 03 Promoção do Comércio; 04 Visibilidade Institucional; 05 Recursos Humanos; 06 Responsabilidade Social).

Desta vez, o destaque será para o Programa de Infraestrutura, tendo como coordenadores Sidney Luchtemberg e Almir Anísio Rosa. Entre as muitas atividades deste programa, está incluída a preservação e manutenção do prédio da sede da CDL, mantendo-o sempre em bom estado com atividade como pintura e conservação, decoração de ambientes, iluminação, telefonia, estacionamento, limpeza…

Sidney Luchtemberg
Sidney Luchtemberg
 Almir Anísio Rosa
Almir Anísio Rosa

Para Sidney Luchtemberg, que também é o diretor responsável pelos serviços de SPC, o maior desafio da pasta de infraestrutura é, no médio prazo, iniciar o projeto do terceiro andar da entidade: “Quando fizemos a construção da sede, prevíamos a construção de um terceiro andar. Para isto, deixamos a fundamentação e as esperas prontas. Além disso, também temos como objetivo de curto prazo a construção de um totem na frente da CDL para identificação das lojas que fazem parte do complexo, bem como das atividades que proporcionamos aos nossos associados. Outra obra importante, também de curto prazo, é a construção na frente da CDL de um jardim ao lado da rampa de acesso para emoldurar e dar maior visibilidade ao prédio”.

Já Almir Anísio Rosa destaca o que vem sendo oferecido aos lojistas associados referente às questões de infraestrutura: “A CDL Palhoça conta com um auditório equipado com todo aparato para palestras, workshops, cursos, podendo ser utilizado por cerca de 50 pessoas. Também disponibilizamos um estacionamento nos fundos da entidade para um carro por lojista. Nossa mais recente expansão é a aquisição do Restaurante Banquete, situado no andar inferior à CDL, que futuramente será um espaço importante para nossos membros associados fazerem suas confraternizações tanto familiares ou corporativas, com toda estrutura de uma casa de eventos”.

As ações do Programa de Infraestrutura se relacionam diretamente com todas as atividades desenvolvidas na sede da entidade. “A infraestrutura é o cerne de tudo, pois realizamos nossas atividades tendo por eixo a edificação, situada numa das regiões mais estratégicas de Palhoça. Nossos diretores são empresários muito bem qualificados, em todas as áreas. E o trabalho deles reflete positivamente em todos os nossos associados”, avalia o presidente da CDL Palhoça, Josué da Silva Mattos.

E o diretor Luchtemberg completa: “Temos que dar maior importância ao associativismo como empresários que somos, pois só por meio dele vamos conseguir juntar forças para ocuparmos nosso verdadeiro espaço neste mundo corporativo. Temos que entender que juntos somos fortes, e faremos isso brigando (no bom sentido), pela justiça e pelo bem estar de todos. Vejo na CDL uma boa ferramenta de combate, uma boa parceira para reivindicarmos nossos direitos perante nossa cidade, estado e país”.